Brumado: Morre o comunicador Daniel Simurro

Brumado: Morre o comunicador Daniel Simurro

Na madrugada desta terça-feira (21), faleceu o comunicador Daniel Simurro, 58 anos. Simurro estava internado na UTI do Hospital Professor Magalhães Neto, em Brumado, após ter sofrido um mal súbito em sua residência na tarde de segunda-feira (20). Daniel foi escritor de diversos blogs, assessor de imprensa da Prefeitura de Brumado e trabalhou em rádios na Capital do Minério. Em 2019, recebeu o título de cidadão brumadense na Câmara de Vereadores de Brumado. O velório acontece no Salão Nobre da Câmara de Vereadores, das 6:00h até as 16:00h da manhã desta terça-feira (21).

Fonte: Agora Sudoeste

Sesab divulga orientações para a retomada segura das cirurgias eletivas

Sesab divulga orientações para a retomada segura das cirurgias eletivas

Considerando a crescente demanda por cirurgias eletivas, reprimida desde o início da pandemia da Covid-19, bem como o quadro epidemiológico atual, com a redução do número de casos ativos, de pacientes internados e da ocupação de leitos de UTI, a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), por meio do Centro de Operações de Emergências em Saúde (COE), está recomendando o retorno gradativo e seguro das cirurgias eletivas, desde que sejam mantidas todas as medidas de prevenção e controle de infecção para a Covid-19. Nesse contexto, cada unidade de saúde deve estabelecer estratégias de priorização da agenda de cirurgias, observando as características de cada especialidade e as condições clínicas do paciente, cuja espera possa agravar o prognóstico da doença. Deve-se ressaltar que os procedimentos cirúrgicos devem ser suspensos caso o paciente tenha febre ou qualquer outro sintoma respiratório nos últimos 10 dias, assim como tenha tido contato próximo com pessoa diagnosticada  com Covid-19 no mesmo período, com exceção dos casos de urgência e emergência.

Fonte: Agora Sudoeste

Agricultura familiar do Sertão Produtivo recebe investimentos de mais R$4 milhões

Agricultura familiar do Sertão Produtivo recebe investimentos de mais R$4 milhões

Para dinamizar ainda mais o desenvolvimento dos municípios do Território de Identidade Sertão Produtivo, o governador Rui Costa anunciou, em visita a Guanambi, nesta segunda-feira (20), novos investimentos para a agricultura familiar. Foram autorizados: a celebração de novos convênios entre a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e o Consórcio Público de Desenvolvimento Sustentável do Alto Sertão para regularização fundiária e ambiental; a aquisição de insumos e equipamentos produtivos; e agroindustrialização e aliança comercial, com o objetivo de gerar de renda para as famílias atendidas. Serão R$3 milhões para beneficiar 1.380 agricultores e agricultoras de 16 municípios baianos. A SDR também foi autorizada a firmar mais dois convênios com o consórcio, totalizando R$ 590 mil em recursos. Um deles, para construção da unidade regional de classificação de ovos no município de Caculé, com capacidade instalada para classificar 6 mil ovos por dia. A unidade vai viabilizar a comercialização dos ovos de galinha caipira que estão sendo produzidos por agricultores familiares nos municípios de Caculé, Caetité, Brumado, Guanambi, Ibiassucê, Rio do Antônio, Lagoa Real, Pindaí e Urandi. O outro convênio será para a contratação de serviços de limpeza e requalificação de aguadas em comunidades rurais nos municípios de Candiba, Malhada, Ibiassucê, Rio do Antônio, Guanambi e Igaporã, para ampliar a capacidade de armazenamento de águas pluviais. As assinaturas dos convênios integram a estratégia Parceria Mais Forte, Juntos para Alimentar a Bahia, da SDR, em parceria com outros órgãos públicos, sociedade civil organizada, prefeituras municipais e consórcios públicos territoriais e instituições representativa da agricultura familiar. O chefe de gabinete da SDR, Jeandro Ribeiro, explica que a proposta central é aquecer e reaquecer a economia dos municípios tendo a agricultura familiar como motor desse desenvolvimento sustentável: “Queremos integrar ainda mais as ações quem vêm se avolumando no estado da Bahia, gerando emprego, renda e produção de alimentos”. Os novos investimentos anunciados se somam a 89 projetos que estão sendo executados pelo projeto Bahia Produtiva, executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR). Já são R$33,4 milhões investidos no Território Sertão Produtivo, em diversos sistemas produtivos, beneficiando diretamente 2.533 famílias. 

Fonte: Agora Sudoeste

A educação libertadora de Paulo Freire

A educação libertadora de Paulo Freire


Quatro comissões da Câmara do Deputados realizaram nesta segunda (20/9), um seminário para lembrar a trajetória e o legado do Patrono da Educação Brasileira. Freire completaria 100 anos de nascimento no último domingo.
 
Conhecido principalmente pelo método de alfabetização de adultos que leva o nome dele, desenvolveu um pensamento pedagógico de forte contação política. Para Freire, o maior objetivo da educação seria o de conscientizar o aluno. 
 
Na semana passada, em 16/9, uma decisão liminar da Justiça Federal do Rio de Janeiro proibiu o governo federal de "praticar qualquer ato institucional atentatório a dignidade do professor Paulo Freire".
 
A ação foi movida pelo Movimento Nacional de Direitos Humanos, que argumentou que o governo federal realiza "movimentos desqualificadores" contra Paulo Freire, que recebe "ofensivas e injustificadas críticas". O próprio presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou, em 2018 que iria expurgar "a ideologia de Paulo Freire" da educação”.
 
Não é a primeira vez que o pensamento de Paulo Freire sofre ataques de movimentos antidemocráticos.
 
Em 1963, em Angicos (RN), ele comandou um programa que alfabetizou 300 pessoas em um mês. Em 1964, o educador coordenava Plano Nacional de Alfabetização do presidente João Goulart. Com o golpe militar, foi preso e depois seguiu para o exílio no Chile. Lá, escreveu seu livro mais conhecido, “Pedagogia do Oprimido”.
 
No livro, Freire defendia que o objetivo da escola seria ensinar o aluno a "ler o mundo para poder transformá-lo”. Para ele, isso faria com que os pobres e vulneráveis entendessem a condição de oprimidos e agiriam em favor da própria libertação. 
 
Nita Freire, viúva do educador lembra que ele “foi uma alma generosa, que cuidou e esclareceu as coisas do senso comum para as camadas populares se assumirem enquanto sujeitos da sociedade e se inserirem enquanto existência humana”.

Paulo Freire nasceu em Recife, em 1921, filho de uma família de classe média. Estudou Direito, mas não seguiu a carreira e encaminhou a vida profissional para o magistério. 
 
Esperança
 
O seminário foi proposto pelos deputados Luiza Erundina (PSOL/SP), Marília Arraes (PT/PE), Lídice da Mata (PSB/BA), Danilo Cabral (PSB/PE), Leonardo Monteiro (PT/MG) e Waldenor Pereira (PT/BA), presidente da CLP. 
 
A iniciativa é da Comissão de Legislação Participativa da Câmara do Deputados (CLP), junto com as Comissões de Direitos Humanos e Minorias, de Educação e de Cultura.
 
A deputada Luiza Erundina, vice-presidente da CLP, destaca que “a existência de milhões de pessoas dedicadas à prática educacional libertadora é prova suficiente de que seu nome e sua obra não serão esquecidos. Todos os dias, seus livros e artigos são lidos, desdobrados e usados como referência para a ação transformadora através da educação”. 

Um educador especial, cordial, bem-humorado, que gostava de contar e ouvir histórias, é como se lembra de Paulo Freire a doutora em Educação, Lisete Arelar. 

“A qualidade do ensino implicava em amorosidade e em professores animados no trabalho. Isso criava um outro patamar de relacionamento. Na gestão dele na secretaria municipal de São Paulo, as escolas foram abertas aos finais de semana para que alunos, famílias e professores se reunissem. Foram formados conselhos que faziam a gestão democrática das escolas”, disse Arelar. 

Pedro Pontual, do Conselho de Educação Popular da América Latina e Caribe afirma que a mensagem central que Paulo Freire traz, especialmente para hoje no Brasil é “de esperança, com o verbo esperançar, um conjunto de práticas e ações que dão sentido de construir uma alternativa histórica, e que inclui a possibilidade de existir no mundo”. 

“Freire transformou muita gente e virou referência internacional através da sua educação humanista. Mesmo assim, o governo federal em nenhum momento fez referência aos 100 anos de nascimento do patrono da educação brasileira, parece que um dos maiores educadores do mundo não existe”, afirma Carlos Veras (PT/PE), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias.

A deputada Marília Arraes (PT/PE) também lembra que “Paulo Freire fez tudo que hoje é destruído pelo governo federal, ele trabalhou para termos um povo educado, autônomo e soberano. Mas o governo quer transformar o país numa fazenda e não numa grande nação. Paulo Freire é resistência e está vivo em todos nós”. 

“Que cada um aprenda a dizer a sua própria palavra”
“Para mim, ‘A Pedagogia do Oprimido’ é muito forte porque, ao longo da minha vida como professor, vi que o livro deixa uma mensagem muito clara para que cada um aprenda a dizer a sua própria palavra. Ou seja, tenha a possibilidade de se expressar no mundo. A palavra é aquilo que garante às pessoas presença na humanidade, a presença no mundo”, afirma Daniel Cara, professor da Faculdade de Educação da USP.  

A atualidade do pensamento de Paulo Freire também foi trazida por Agostinho Rosas, professor da UFPE. “Com Paulo Freire aprendemos a superar o medo da vida e da liberdade, e isso é um ato político, corajoso. Nosso processo de caminhada é assumir ‘eu sou sujeito que faz história, eu produzo conhecimento pela minha força de trabalho’. Então o pensamento dele é profundamente atual, porque é revolucionário”. 

“Para Paulo Freire, o respeito pelo que cada pessoa traz ao processo de conhecer é radicalmente democrático porque o indivíduo constrói o conhecimento. O resultado é mais rico do que apenas recolher as conclusões que outros produzem”, coloca o deputado Waldenor Pereira, presidente da CLP.

O futuro 

Sérgio Haddad, pesquisador de Paulo Freire e que escreveu "O Educador: Um perfil de Paulo Freire", afirma que as atividades pelo centenário do educador estão entrando numa quarta fase. 

“Primeiro, vieram as publicações e releituras de livros, depois a história, em seguida como o legado dele ajuda a pensar o momento atual. E esse quarto tempo é como ele pode nos ajudar a pensar o futuro. Por exemplo, vemos a promoção de uma escola vertical, civil militar, excludente, o próprio ministro diz que a universidade ‘é para poucos, as pessoas com deficiência devem ser apartadas’, entre outras aberrações como a base curricular nacional, avaliações de massa e a meritocracia”.

Porém, Haddad lembra que a “história não para, não morre. Freire nos convoca a sonhar, aqueles sonhos que tratam de superar as desigualdades e as discriminações, e assim anunciar um outro mundo possível. Isso é esperançar, não ficar parado, buscar o futuro ainda mais quando os caminhos parecem intransponíveis. O futuro não é inexorável”.

Também participaram parlamentares líderes de bancadas; Mario Sergio Cortella, ex-secretário municipal de Educação de São Paulo; Selma Rocha, ex-assessora da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo e Maria Monica Melo, pedagoga do Instituto Capibaribe em Recife.

Durante o seminário foram feitas apresentações culturais. A íntegra do encontro, em áudio e vídeo, está disponível na página da CLP no site da Câmara dos Deputados.

“Quando a educação não é libertadora, o sonho do oprimido é ser o opressor”, Paulo Freire
Pedro Calvi / CLP
 

A educação libertadora de Paulo Freire

Brumado registrou 07 casos da Covid-19 nas últimas 24h

Brumado registrou 07 casos da Covid-19 nas últimas 24h

Nesta segunda-feira (20), Brumado registrou 9.830 casos confirmados da Covid-19, o novo coronavírus. Entre os diagnósticos: 0 internações, 197 óbitos, 68 em recuperação e 9.565 recuperados. As notificações suspeitas abrangem pacientes com quadros de síndromes gripais diversas, dentre os quais alguns se encaixam nos critérios para realização do exame RT-PCR ou via teste rápido. Estes últimos estão sendo usados de forma criteriosa, em casos excepcionais, como estratégia para ampliar e tornar mais eficaz o enfrentamento à pandemia no município.

Fonte: Agora Sudoeste

Justiça Federal obriga União e Cebraspe a reservar cotas para negros em concurso da PF

Justiça Federal obriga União e Cebraspe a reservar cotas para negros em concurso da PF

A Justiça Federal determinou que a União e o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) apliquem a reserva de 20% das vagas garantidas a candidatos negros em todas as fases do Concurso Público da Polícia Federal (PF) 2021. A decisão obriga a reserva das cotas e não apenas no momento da apuração do resultado final. O concurso é destinado ao provimento de vagas para os cargos de delegado, agente, escrivão e papiloscopista. A decisão acolhe parte dos pedidos da ação movida pelo Ministério Público Federal (MPF) proposta no final de julho. A decisão judicial determina que não seja considerado, para efeito de apuração do número de candidatos cotistas negros que terão as suas provas discursivas corrigidas, os candidatos negros que obtiveram, na prova objetiva, nota suficiente para terem as suas provas discursivas corrigidas pela lista da ampla concorrência.

A liminar também determina a retificação sobre o edital de junho de 2021, de forma que sejam convocados negros que obtenham nota para terem as suas provas corrigidas dentro da lista de candidatos negros, após a aplicação do critério do item anterior. Outro ponto da decisão é a oportunização aos candidatos mencionados no pedido anterior a interposição de recurso contra o resultado provisório da prova discursiva.

A Cebraspe e a União deverão publicar o resultado final da prova discursiva quanto a esses candidatos e fazer a convocação dos mesmos para as provas de aptidão física e para as demais etapas do certame, com a retificação dos editais já publicados. 

De acordo com o procurador da República responsável pela ação, Ramiro Rockenbach, a interpretação da Lei de Cotas pela Cebraspe acaba restringindo a aplicação do percentual dos 20% aos candidatos aprovados, ou seja, que foram submetidos a todas as etapas do concurso, o que contraria o entendimento dos tribunais. “No caso, deve prevalecer o entendimento de que os candidatos negros que obtenham nota suficiente para a ampla concorrência, embora constem das duas listas, não devem ser considerados no número de correções de provas discursivas para as vagas reservadas para candidatos negros, de forma que mais candidatos negros tenham suas provas discursivas corrigidas, atingindo-se, assim, o real objetivo da política afirmativa”, explica.

Fonte: Brumado Urgente

Brumado: Pessoas com 16 e 17 anos podem se vacinar contra Covid-19 nesta terça-feira (21)

Brumado: Pessoas com 16 e 17 anos podem se vacinar contra Covid-19 nesta terça-feira (21)

Nesta terça-feira (21), a Secretaria Municipal de Saúde de Brumado vacina contra Covid-19 somente pessoas com 16 e 17 anos de idade, público geral. A vacinação ocorre das 08h às 11h30 e das 14h às 16h30, no Cmeas. A Central de senhas eletrônicas estará disponível a partir às 17:00 horas desta segunda-feira (20). Senhas eletrônicas através do link: www.brumadosenhas.com.

Fonte: Agora Sudoeste

Brumado: Secretário de educação diz que Município não abre mão e mantém tempo integral

Brumado: Secretário de educação diz que Município não abre mão e mantém tempo integral

O secretário de educação de Brumado, João Nolasco, justificou que o Município não está atendendo a lei, aprovada no Legislativo, que retira a obrigatoriedade do tempo integral nas escolas da rede, por uma questão de falta de veículos suficientes para realizar o transporte dos alunos que optam por não permanecer nas unidades após o período regular de aulas. Questionado se, nesse caso, não seria melhor, ao invés de passar por cima da lei, deixar o retorno do tempo integral para o ano que vem, quando as devidas adequações pudessem ser feitas, Nolasco citou o prejuízo à educação por conta da pandemia. Segundo ele, o tempo integral visa justamente preencher essa lacuna ao reforçar o aprendizado dos alunos após 1 ano e meio de paralisação das aulas. “Hoje, estamos buscando todos os recursos para investir nos alunos em aulas de reforço. Se eu deixar para o ano que vem e não tomar providências, o Brasil vai se equiparar aos países africanos em termos de estudo. Temos que procurar recuperar”, afirmou. O secretário declarou que a decisão é coletiva, válida para todos os alunos, e o Município não vão abrir mão de manter o tempo integral.

Fonte: Achei Sudoeste

Nove cidades sofrem com focos de incêndio na Bahia

Nove cidades sofrem com focos de incêndio na Bahia

Cerca de nove cidades da Bahia ainda registram incêndio até este sábado (18). Segundo o Grupo de Bombeiros Militar da Bahia (GBM-BA), apenas em dois municípios, o fogo é considerado controlado, mas mesmo assim os trabalhos de contenção de chamas prosseguem. São os casos de Morpará e Oliveira dos Brejinhos, na região Oeste. Nos outros municípios, o fogo ainda persiste sem controle. Casos de cidades do Oeste baiano. Em Luís Eduardo Magalhães, o combate continua às margens do Rio Cabeceira de Pedras, com apoio de um avião modelo Air Tractor. Em Barreiras, o trabalho segue na Serra do Saco (Povoado Sapé). Dois Air Tractor sobrevoam as áreas atingidas e ajudam no controle e monitoração do fogo. No caso de Baianópolis, bombeiros foram deslocados para o combate na comunidade de Barbosa. Em Lençóis, na Chapada Diamantina, o monitoramento continua em área próxima a uma fazenda. Em Tremedal, no Sudoeste, o combate ocorre no povoado de Lagoa Preta. Em Ituaçu, as chamas são combatidas na Serra do Boqueirão. Outros combates continuam em Mulungu do Morro, no Centro Norte; e Guaratinga, na região de Porto Seguro, na Costa do Descobrimento.

Fonte: 97news

Caixa reduz juros do crédito habitacional na modalidade poupança

Caixa reduz juros do crédito habitacional na modalidade poupança

A Caixa Econômica Federal anunciou nesta quinta-feira (16) uma redução na taxa de juros do crédito imobiliário. Os detalhes foram anunciados em um evento para o setor de construção civil realizado na sede do banco, em Brasília. A redução dos juros ocorre em uma modalidade específica de financiamento habitacional, o crédito Poupança Caixa. A Caixa oferece atualmente quatro modalidades de financiamento da casa própria: crédito com taxa fixa de juros, crédito com correção pela Taxa Referencial (TR), financiamento corrigido pela inflação (IPCA) e o crédito Poupança Caixa, em que a taxa de juros tem uma parte fixa, definida pelo banco, e outra variável, que corresponde à remuneração da poupança. É justamente na taxa fixa cobrada pelo banco que houve redução de 3,35% ao ano (a.a.) para 2,95% a.a. Com isso, o crédido Poupança Caixa passa a ser 2,95% a.a + rendimento da poupança. Variável, o rendimento da poupança corresponde a 70% da Taxa Selic, a taxa básica de juros, atualmente em 5,25%. Na prática, o crédito nessa modalidade terá correção de 6,62% a.a., se considerarmos o valor da Selic vigente no momento. A partir de 4 de outubro, já será possível realizar as simulações com as novas condições da linha de crédito imobiliário Poupança Caixa, tanto pelo aplicativo Habitação Caixa ou diretamente no site do banco. As contratações começam no dia 18 do mesmo mês. 

Fonte: Agora Sudoeste

Escritor Paulo Esdras, da Academia de Letras e Artes de Brumado, é contemplado em mais um concurso nacional

Escritor Paulo Esdras, da Academia de Letras e Artes de Brumado, é contemplado em mais um concurso nacional

O Prêmio Nacional Off Flip 2021, da cidade de Paraty, contemplou este ano três gêneros literários: poesia, crônica e conto. Premiando autores de todo o país, a Editora Off Flip acabou de lançar as coletâneas com os contemplados nas três vertentes. O escritor soteropolitano, radicado em Brumado-BA, Paulo Esdras, foi contemplado nas duas vertentes em que participou, ficando como finalista no gênero Crônica. "Estou muito feliz com este reconhecimento, já que sou poeta de origem e meus textos em prosa também estão sendo contemplados em concursos nacionais", disse o autor, membro da ALAB - Academia de Letras e Artes de Brumado. As regras do concurso estabeleciam textos curtos, com número de caracteres limitados. O conto "Última Lembrança" foi escrito em homenagem ao avô materno do autor, João Carneiro, e faz parte de um projeto mais extenso de um futuro romance. A crônica finalista "Segredos do Mar" é uma metáfora sobre a vida e faz parte de um projeto em série feito em parceria com o desenhista e colorista Rodrigo Vinicius, primo do escritor.

Fonte: Agora Sudoeste

Prefeitura de Brumado estima orçamento de R$ 240 milhões para 2022

Prefeitura de Brumado estima orçamento de R$ 240 milhões para 2022

Na quinta-feira (16), a prefeitura realizou uma audiência pública na Câmara de Vereadores para discussão e apresentação de ações para elaboração da Lei Orçamentária Anual (LOA) 2022. Com transmissão simultânea através de videoconferência, poucas pessoas compareceram ao evento. Ricardo Benevides Ferreira, contador do Município, explicou que a LOA é composta por prioridades, metas e indicadores para o orçamento do ano subsequente. “A gente traz as informações de forma educativa para que a população entenda o que é o orçamento público. Através disso, as pessoas podem contribuir com o Município diante de suas necessidades. Esse é o momento da população participar e dar a sua opinião”, afirmou. Para 2022, o orçamento estimado para o Município de Brumado é de R$ 240 milhões, cerca de 10% a mais do que foi em 2021. Segundo Benevides, a educação, saúde e infraestrutura são os setores que mais consomem desse orçamento. “Esses são os principais pilares”, pontuou.

Fonte: Achei Sudoeste

Polícia Federal deflagra operação contra fraude no fundo de pensão dos Correios

Polícia Federal deflagra operação contra fraude no fundo de pensão dos Correios

A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (17) a Operação Amigo Germânico, para investigar os crimes de lavagem de dinheiro, organização criminosa, crimes contra o sistema financeiro nacional e corrupção cometidos contra o Postalis – Instituto de Previdência Complementar, do fundo de pensão dos Correios.

Para a ação foram mobilizados 44 policiais federais para cumprir 19 mandados de busca e apreensão pela Justiça Federal no Distrito Federal, Paraná e em São Paulo. A Justiça também determinou o bloqueio de bens dos investigados até o limite do valor dos prejuízos já apurados: cerca de R$ 16 milhões.

As investigações, em parceria com o Ministério Público Federal (MPF), apontam que foram criados quatro Fundos de Investimentos em Direitos Creditórios Não Padronizados – FIDC NP e, em seguida, diversos ativos do Postalis foram reprecificados em valor diferente de zero, quando deveriam ter sido reavaliados a valor zero. A referida operação, cujos prejuízos foram previamente admitidos pelos alvos investigados, implicou no agravamento da situação já deficitária da entidade.

Os alvos respaldaram seus atos em pareceres jurídicos elaborados por pessoas que possuíam interesse direto na indicação das empresas que, posteriormente, seriam escolhidas como gestora e administradora dos recursos dos FIDC NP.

Ainda segundo a PF, as empresas indicadas para administrar os Fundos de Investimento direcionavam taxas de rebate (comissão) para serem divididos entre os responsáveis pela indicação das empresas que, também atuavam no aconselhamento técnico-jurídico do Postalis. Além disso, por meio de transações dissimuladas, também foram direcionadas vantagens indevidas a gestores da entidade de previdência complementar dos Correios.

Os envolvidos poderão responder pelos crimes de organização criminosa, lavagem de dinheiro, gestão fraudulenta de instituição financeira e corrupção passiva e ativa com penas que, se somadas, podem chegar a 42 anos de reclusão.

Fonte: Brumado Urgente

Bahia: Estado tem mais de 1,5 milhão de títulos eleitorais cancelados

Bahia: Estado tem mais de 1,5 milhão de títulos eleitorais cancelados

Segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), o Estado da Bahia possui 1.576.023 eleitores com o título cancelado. O TRE diz ainda que a situação atinge quem não votou nem justificou a ausência por três eleições seguidas ou deixou de comparecer à revisão eleitoral no município em que vota. Para o cidadão que pretende votar nas Eleições Gerais de 2022, o prazo para regularização é 4 de maio de 2022, data em que cadastro eleitoral será fechado. Conforme a legislação eleitoral, o cancelamento do título ocorre quando o cidadão para quem o voto é obrigatório (18 a 70 anos) deixar de votar por três eleições consecutivas. O cancelamento do título impede o eleitor de ser empossado em concursos públicos, obter passaporte, renovar matrícula em instituições de ensino oficial, obter empréstimos em estabelecimentos de crédito mantidos pelo governo, participar de concorrência pública e praticar qualquer ato para o qual se exija quitação do serviço militar ou imposto de renda, por exemplo. Por conta da pandemia de Covid-19, o atendimento no TRE-BA está sendo realizado, preferencialmente, de forma online. Os títulos cancelados podem ser regularizados pelo Título Net. O eleitor deve gerar uma Guia de Recolhimento (GRU) no site do TRE-BA ou do Tribunal Superior Eleitoral e pagar o valor devido no Banco do Brasil ou pelo PagTesouro, na internet, sem precisar ir ao banco.

Fonte: 97news

CoronaVac dá proteção acima de 90% a quem tem comorbidades, diz estudo

CoronaVac dá proteção acima de 90% a quem tem comorbidades, diz estudo

Informações preliminares do estudo CovacManaus, realizado na capital amazonense, mostram que a CoronaVac, vacina da farmacêutica chinesa Sinovac contra a covid-19 garante proteção contra a doença superior a 90% em pessoas com comorbidades. As informações são do Instituto Butantan, que produz o imunizante no Brasil. A pesquisa está sendo feita com 5 mil profissionais da educação e da segurança pública da rede estadual de Manaus, com idades entre 18 e 49 anos. Do total desse público vacinado com o imunizante, somente 2,6% tiveram infecções causadas pelo SARS-CoV-2. O índice de hospitalizações pela doença foi de 0,1%, e o de admissões em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) foi de 0,04%. Um óbito foi confirmado, configurando uma porcentagem de 0,02% da amostra. “A efetividade da CoronaVac foi superior a 97% contra infecções, hospitalizações, internações em UTI [unidades de terapia intensiva] e mortes. Outro indicador relevante é que, entre os vacinados, 91% apresentaram anticorpos detectáveis após tomarem a primeira dose, e 99,8% após a segunda dose”, destacou o Butantan em nota.  Entre as principais comorbidades apresentadas pelos voluntários que participam do estudo estão obesidade (72%), diabetes (54%), hipertensão arterial (36%) e imunossupressão (27%). 

Fonte: Agora Sudoeste