Buraco se aprofunda, gerando medo e transtorno no centro de Brumado

Buraco se aprofunda, gerando medo e transtorno no centro de Brumado

Na Avenida Dr. Antônio Mourão Guimarães, em frente ao antigo Derba, um grande buraco no meio da rua tem causado preocupação nos motoristas que trafegam no local. Mototaxistas que atuam na região improvisaram uma sinalização para evitar acidentes. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, um desses mototaxistas disse que o buraco começou bem pequeno, mas já formou uma espécie de túnel de tão grande. “Por baixo, está bem maior. Deve ter 1,5 por 2 metros”, disse. Segundo ele, a situação tende a piorar e causar um grave acidente, visto que as pessoas não percebem a real dimensão do buraco. Uma reclamação já teria sido feita ao setor responsável na prefeitura, porém nada foi feito até o momento. “Tanto moto, quanto carro, até a própria pessoa corre o risco de cair nesse buraco. Virou uma armadilha”, completou.

Fonte: Achei Sudoeste

Por engano, 46 pessoas recebem vacina contra Covid no lugar de dose contra a gripe no interior de SP

Por engano, 46 pessoas recebem vacina contra Covid no lugar de dose contra a gripe no interior de SP

Um engano fez com que 46 pessoas recebessem a vacina contra Covid-19, a Coronavac, no lugar da dose contra gripe em um posto de vacinação de Itirapina (SP), interior de São Paulo, na terça-feira (13). Entre os vacinados, estão 18 adultos - sendo uma gestante - e 28 crianças. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Itirapina, o erro foi percebido durante o controle do estoque das vacinas, na quarta-feira (14), quando foi notada a falta de 46 doses da Coronavac. Em Diadema, na Grande São Paulo, outras cinco crianças foram vacinadas nesta semana contra o coronavírus após um erro numa Unidade Básica de Saúde. As crianças têm entre sete meses e quatro anos de idade e deveriam ter sido imunizadas contra a gripe. O infectologista Bernardino Souto diz que ainda não há estudos clínicos suficientes para determinar os efeitos da Coronavac em crianças e gestantes e que, por isso, os pacientes que tomaram a vacina por engano devem ser monitorados clinicamente. "É adequado manter essas pessoas sob monitoramento ao longo de algumas semanas ou meses para verificar alguma ocorrência que possa ser relacionada à vacina. No caso das gestantes, é adequado que também seja feito com os recém-nascidos", avalia. De acordo com a Prefeitura de Itirapina, uma técnica de enfermagem enviou erroneamente frascos da Coronavac para o local onde está ocorrendo a campanha de vacinação contra gripe (influenza). Para não causar conflito com a imunização contra a Covid, a 1ª etapa , que geralmente começa pelos idosos, foi destinada este ano a crianças maiores de 6 meses e menores de 6 anos, gestantes, puérperas, povos indígenas e trabalhadores da saúde. A Secretaria de Saúde de Itirapina comunicou à Vigilância Epidemiológica de Piracicaba sobre a falha e solicitou orientações sobre as medidas a serem adotadas. Ainda segundo a prefeitura, todos os vacinados foram informados pessoalmente, e a Secretaria de Saúde disponibilizou uma equipe médica para avaliação e orientação, com acompanhamento por 14 dias, das pessoas envolvidas. Nesta quinta-feira (15), 26 pessoas passaram por atendimento médico, entre elas a gestante. No caso das crianças, a avaliação e as orientações foram feitas por uma pediatra.

Fonte: 97news

Brumado: Motoristas reclamam dos buracos no cruzamento com a linha do trem no bairro Dr. Juracy

Brumado: Motoristas reclamam dos buracos no cruzamento com a linha do trem no bairro Dr. Juracy

Há algum tempo motoristas que passam pelo cruzamento da linha férrea entre a Rua Rui Barbosa com a Rua Nazaré, no bairro Dr. Juracy, têm se deparado com buracos no ponto em que a via é atravessada pelos trilhos. Presentes nos dois sentidos de tráfego, os buracos vêm aumentando e dificultando a passagem pelo local, pois obrigam os veículos a desviá-los para evitar acidentes. "Já fizemos a manutenção por conta própria umas três vezes. A FCA até que veio aqui e consertou, mas com as chuvas os buracos voltam novamente", disse Paulo Carvalho morador da Rua Rui Barbosa. Na quinta-feira (15), recebemos reclamações de motoristas que relatam o perigo da situação e também de um motociclista que relatou quase ter caído da moto quando passava pelo local. "Hoje quase eu viro mais uma estatística no trânsito, mas teve outros colegas aqui que já quebraram clavícula em um acidente aqui nesse mesmo local", comentou o mototaxista, Thales Ribeiro. 

Brumado: Motoristas reclamam dos buracos no cruzamento com a linha do trem no bairro Dr. Juracy

O risco é maior no período da noite, com a visibilidade reduzida. A rua está dentro da área de segurança da FCA, assim em tese a responsabilidade pela manutenção é da empresa que administra a ferrovia. Mas, também está na parte urbana do bairro Dr. Juracy e é bastante usada por moradores, portanto a Prefeitura poderia auxiliar com um tapa-buracos ou cobrar providências da Empresa. "Eu já perdi a conta de quantos escapamentos já foram danificados aqui. Outro dia um caminhão baú ficou [enganchado] ai. A FCA teve que interditar a ferrovia até remover o caminhão, então esse cruzamento aqui tá muito ruim", destacou Carvalho.

Fonte: 97news

Brasil precisa criar protocolos para tratamento da síndrome pós-coronavírus

Brasil precisa criar protocolos para tratamento da síndrome pós-coronavírus

Nem sempre a alta hospitalar é o fim dos problemas causados pela Covid-19. No mundo todo, profissionais de saúde observam uma série de complicações decorrentes da doença, que vão de manifestações dermatológicas a distúrbios cardíacos e podem surgir meses após resolvido o quadro agudo da infecção pelo SARS-CoV-2.

Para que a carga da pandemia não se torne ainda maior para o sistema de saúde do país, pesquisadores recomendam a criação de protocolos clínicos e unidades para tratamento de pacientes com a chamada síndrome pós-Covid.

O assunto foi debatido em seminário on-line promovido no dia 08 de abril pela Academia Nacional de Medicina (ANM).

“Temos observado que o doente se cura da Covid-19, sai da UTI [Unidade de Terapia Intensiva], mas permanece no hospital, pois não consegue voltar para casa. Ele precisa de reabilitação. Por isso, temos de pensar num modelo que passei a chamar de unidade pós-Covid, onde teríamos atendimento ambulatorial, hospital-dia e algumas áreas para internação daqueles pacientes que não têm condição [de ter alta]”, disse Fábio Jatene, diretor-geral do Instituto do Coração (InCor) e professor da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FM-USP).

Jatene falou sobre a ocorrência de problemas cardiovasculares decorrentes da doença, que não necessariamente ocorrem apenas em pacientes com histórico prévio de doença cardíaca.

“A literatura tem várias observações a respeito de pessoas absolutamente sem doença cardiovascular e que acabaram desenvolvendo no pós-Covid. Inclusive atletas universitários, pessoas sem risco cardiovascular. Estudos revelaram que 55% dos pacientes no pós-Covid apresentaram alterações no bombeamento cardíaco. Num estudo realizado na Alemanha, 78% dos pacientes diagnosticados com COVID-19 mostraram evidência de alguma lesão cardíaca, causada até semanas depois da recuperação da doença propriamente dita”, explicou o pesquisador, que é apoiado pela Fapesp.

Para o presidente da ANM, Rubens Belfort Jr., a síndrome pós-pandemia é uma amostra do papel das doenças infecciosas no desenvolvimento de outras moléstias. Segundo o médico, a pandemia está trazendo novos conhecimentos sobre essa relação. Um exemplo anterior é a zika que, embora não cause problemas graves em adultos, pode levar à microcefalia nos fetos em desenvolvimento. Outro é a toxoplasmose, recentemente relacionada à ocorrência de esquizofrenia.

“O problema vai muito além da Covid-19. Quem poderia imaginar que tantas alterações aparentemente não relacionadas a doenças infecciosas decorrem delas? Com toda certeza, muitas outras doenças virais podem causar manifestações tardias, mas a medicina ainda as desconhece”, disse Belfort, que é professor da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (EPM-Unifesp).

Segundo Carlos Alberto Barros Franco, membro da ANM e professor da Escola Médica de Pós-Graduação da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), o Brasil ainda está na fase da pandemia em que a preocupação mais urgente é conter a transmissão do vírus, mas os problemas decorrentes da COVID-19 vão persistir por muito tempo.

“Essa é uma preocupação de países europeus e norte-americanos, que vêm se preparando para essa segunda fase, a da síndrome pós-Cpvod ou Covid longa. Isso terá consequências da maior gravidade no Brasil. Haverá pessoas que não vão poder voltar a trabalhar normalmente. Então é fundamental que o Brasil se prepare”, disse o acadêmico.

Câncer e Covid-19

Os palestrantes relataram casos e apresentaram estudos realizados no Brasil e no exterior das mais variadas manifestações ocorridas após a resolução da fase aguda da Covid-19. Alterações gastrointestinais, pulmonares, do fígado e das vias biliares; diferentes manifestações dermatológicas, renais e otorrinolaringológicas; problemas psicológicos e até da retina já foram relatados na literatura médica.

Como um dos efeitos colaterais da pandemia, não necessariamente ligados à doença em si, pesquisadores apontaram uma redução significativa no número de diagnósticos e tratamentos de câncer.

Segundo Paulo Hoff, diretor-geral do Instituto do Câncer (Icesp) e professor da FM-USP apoiado pela FAPESP, a pandemia trouxe queda significativa nos exames preventivos e, consequentemente, no diagnóstico precoce de tumores.

Uma vez que quanto mais cedo ocorre o diagnóstico, maiores são as chances de cura, a pandemia deverá trazer um número maior de ocorrência de câncer e de mortes no futuro. Estudo realizado na Inglaterra estimou quase 18 mil mortes a mais por câncer naquele país por conta da interrupção dos tratamentos ou pela falta de diagnóstico.

“São dados que se repetem ao redor do mundo. Tivemos redução na ordem de 70% a 90% nos exames de rastreamento de tumores importantes como de mama, próstata e colorretais. [Houve ainda] redução significativa nas cirurgias relacionadas ao diagnóstico de câncer e, talvez mais importante, dados originados nos laboratórios de anatomopatologia mostram até 30% de redução nas biópsias de câncer nesse período. Lembrando que esses casos continuam acontecendo, só não estão sendo diagnosticados no seu estágio mais precoce, o que seria desejável”, contou o pesquisador.

O médico afirmou que a incidência da doença é similar entre pessoas com e sem câncer, mas que a mortalidade é maior no primeiro grupo, como deve mostrar um estudo realizado por sua equipe, ainda não publicado. Os pacientes especialmente afetados pela Covid-19 são os imunodeprimidos por conta da doença ou do tratamento, os que têm comprometimento pulmonar prévio ou portadores de neoplasias hematológicas.

O médico oncologista afirmou ser essencial que os pacientes diagnosticados mantenham o tratamento, ainda que seguindo protocolos de segurança contra a doença. Além disso, pessoas saudáveis não devem deixar de fazer exames de rotina que possam detectar tumores. Pacientes em tratamento contra o câncer que tenham sido diagnosticados com Covid-19 devem retomar as terapias para os tumores entre 14 e 21 dias depois da resolução dos sintomas da infecção pelo SARS-CoV-2, alertou. 

Fonte: Brumado Urgente

Sesab faz aquisição de 400 capacetes para ventilação mecânica não invasiva de pacientes Covid-19; Brumado não será contemplado

Sesab faz aquisição de 400 capacetes para ventilação mecânica não invasiva de pacientes Covid-19; Brumado não será contemplado

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia adquiriu 400 unidades de capacetes do tipo Helmet – um equipamento de ventilação mecânica não-invasiva (VNI) que pode ser utilizado associado a um ventilador mecânico, de forma que não haja necessidade de intubar o paciente com diagnóstico de Covid-19. Até o momento, 270 unidades estão sendo encaminhadas para 13 hospitais da rede referenciada para o tratamento da doença em toda a Bahia. A utilização do capacete tipo Helmet pode reduzir de forma significativa tanto a inflamação pulmonar quanto o esforço do paciente para respirar, prevenindo a intubação e evitando a ventilação mecânica invasiva com alto risco. Por se tratar de um dispositivo vedado, o capacete pode diminuir drasticamente as chances de contaminação dos profissionais de saúde que estão na linha de frente do combate à Covid-19. A Sesab está distribuindo 150 unidades de tamanho G e 120 de tamanho M para os seguintes hospitais: Espanhol, Metropolitano e Arena Fonte Nova, em Salvador; Hospital Regional da Chapada, Seabra; Hospital Geral Clériston Andrade, Feira de Santana; Hospital do Oeste, Barreiras; Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus; Hospital Regional Deputado Luis Eduardo Magalhães, Porto Seguro; Hospital Regional de Jequié, Hospital Regional Prado Valadares, em Jequié; Hospital de Caetité; Costa do Cacau, Ilhéus. O município de Brumado não receberá os equipamentos. A estrutura do capacete permite a formação de um ambiente com pressão positiva e enriquecido com oxigênio. A maior parte do material é feita com PVC atóxico, sendo a membrana de vedação do pescoço produzida com látex ou silicone, o que garante conforto e facilidade de ajuste para cada paciente. Em Vitória da Conquista, o equipamento já está em uso no Hospital Geral, que recebeu 50 unidades. 

Fonte: Agora Sudoeste

Brumado confirma duas mortes de Covid-19 em 24h

Brumado confirma duas mortes de Covid-19 em 24h

Na quinta-feira (15), o município de Brumado registrou 7.728 casos confirmados da Covid-19, o novo coronavírus. O total de notificações suspeitas é de 18.234. Entre os diagnósticos: 43 internações, 149 óbitos, 750 pacientes em tratamento e 6.829 recuperados. No momento, 107 ainda aguardam resultado laboratorial e 9.398 já foram descartados. As notificações suspeitas abrangem pacientes com quadros de síndromes gripais diversas, dentre os quais alguns se encaixam nos critérios para realização do exame RT-PCR ou via teste rápido. Estes últimos estão sendo usados de forma criteriosa, em casos excepcionais, como estratégia para ampliar e tornar mais eficaz o enfrentamento à pandemia no município.

Fonte: 97news

Sem aumento acima da inflação, governo propõe salário mínimo de R$ 1.147 para 2022

Sem aumento acima da inflação, governo propõe salário mínimo de R$ 1.147 para 2022

O projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) do governo federal para 2022 propôs um salário mínimo de R$ 1.147. O texto foi divulgado nesta quinta-feira (15) pelo Ministério da Economia, já no último dia de prazo para o envio da proposta ao Congresso. O valor para o próximo ano é R$ 47 maior que o salário mínimo atual, de R$ 1.100. A alta de 4,27% é a previsão do Ministério da Economia para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) deste ano, ou seja, sem valorização real do salário mínimo, apenas com a correção inflação, como determina a Constituição. Como referência para os anos seguintes, o governo propôs um salário mínimo de R$ 1.188 em 2023 e de R$ 1.229 em 2024 – valores que podem ser alterados posteriormente.

Fonte: 97news

Bahia alcança 17 mil mortes por Covid-19; nº de internados com casos graves aumenta

Bahia alcança 17 mil mortes por Covid-19; nº de internados com casos graves aumenta

A Bahia alcançou, nesta quinta-feira (15), a marca de 17 mil mortes por Covid-19 desde o início da pandemia, conforme dados publicados no boletim epidemiológico da Secretaria Estadual da Saúde (Sesab). O número foi alcançado após a notificação de 140 novos óbitos nas últimas 24 horas.

Após o registro de 3.831 novas contaminações nesta quinta, o estado chegou a 852.458 casos confirmados do novo coronavírus, contabilizados a partir do primeiro diagnóstico realizado na Bahia, no dia 6 de março de 2020.

O número de internados com casos graves da Covid-19 voltou a crescer, após dois dias de queda no estado. Neste momento, 1.292 pessoas ocupam leitos de terapia intensiva reservados para pacientes infectados com o novo coronavírus. Entre elas, estão 1.270 adultos e 22 crianças.

Com isso, também voltou a crescer a taxa de ocupação dos leitos de UTI exclusivos para o tratamento de adultos, que chegou a 83% nesta quinta-feira. Nas unidades pediátricas de terapia intensiva, o percentual de vagas ocupadas está em 61%.

Aumentou ainda a quantidade de casos ativos da Covid-19 no estado, que agora é de 16.139 pessoas. Os municípios baianos com mais contaminados, no momento, são Salvador (2.721), Feira de Santana (643), Vitória da Conquista (455), Itabuna (375), Lauro de Freitas (285), Guanambi (240), Ilhéus (232), Barreiras (231), Eunápolis (228) e Juazeiro (196).

Fonte: Bahia Notícias

Tremor de terra é registrado em Ipiaú e Dias d'Ávila

Tremor de terra é registrado em Ipiaú e Dias d'Ávila

Um tremor de terra foi registrado nesta quinta-feira (15), na cidade de Dias d'Ávila, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). O Laboratório Sismológico (LabSis) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) informou que o evento ocorreu às 02h55  e registrou magnitude de  2.5 mR. Um outro evento, de menor magnitude  foi registrado nesta quarta-feira (14), em Ipiaú na região do Médio Rio de Contas. 

Ainda de acordo com o LabSis os moradores da cidade de Dias d'Ávila não informaram se teriam escutado ou sentido o abalo ocorrido nesta quinta-feira. Já na quarta-feira (14) um outro tremor foi sentido em Ipiaú. Este, com magnitude de  2.4 mR, foi registrado às 16h58 (hora local). O laboratório também não recebeu informação dos moradores sobre o ocorrido. 

Fonte: Bahia Notícias

Após atraso, Ministério da Saúde promete novas doses a partir de sexta para a Bahia

Após atraso, Ministério da Saúde promete novas doses a partir de sexta para a Bahia

Após perder o prazo de desembarque das 500 mil doses na Bahia nesta quinta-feira (15), o Ministério da Saúde diz que a entrega do novo lote das vacinas contra a Covid-19 será feita a partir desta sexta-feira (16). De acordo com a assessoria da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), o ministério não especificou horários. "A remessa conta com 3,8 milhões de doses da AstraZeneca/Oxford, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), e com 2,5 milhões de doses da Coronavac, do Instituto Butantan, ambas produzidas no Brasil com matéria-prima importada. O envio, de forma proporcional e igualitária entre as Unidades Federativas (UFs), ocorre a partir desta sexta-feira", afirma o governo federal em nota. O atraso já impacta diretamente o plano de imunização no estado. 

Fonte: 97news

Rui Costa diz que a situação de Brumado é muito grave em relação a Covid-19

Rui Costa diz que a situação de Brumado é muito grave em relação a Covid-19

O governador Rui Costa declarou em live nesta quinta-feira (15) que a situação da região de Brumado, no Sudoeste do estado, é a que mais o preocupa no estado. Ele chegou a dizer que o caso é “extremamente preocupante”.  Rui se referia ao número de casos ativos – os em condição de se propagar – da Covid-19 no município do da última segunda-feira (12) quando eram 749 casos. No último boletim da prefeitura divulgado na noite desta quarta-feira (14), o número já tinha subido para 753 casos ativos. “É uma situação muito grave, principalmente se você olhar o tamanho da população, que é de 67 mil habitantes. Eu faço um apelo especial para que vocês nos ajudem.”, apelou ao pedir apoio de moradores e do comércio. Depois de Brumado, o governador citou também os casos de Caetité, Guanambi, Livramento de Nossa Senhora e Caculé, na mesma região, que também exigem redução dos registros de Covid-19

Fonte: Brumado Urgente

Brumado: SMTT realizará blitz educativa destacando obrigatoriedade do uso de máscaras no transporte coletivo

Brumado: SMTT realizará blitz educativa destacando obrigatoriedade do uso de máscaras no transporte coletivo

Em Brumado, a Superintendência Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) realizará uma blitz educativa para destacar a obrigatoriedade do uso de máscaras no transporte coletivo. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, o coordenador da SMTT, Jansen Ricardo, disse que a ação busca contribuir para evitar a disseminação do vírus da Covid no município, especialmente no interior do transporte coletivo de passageiros. “É uma blitz de orientação e de instrução aos condutores de veículos do transporte coletivo no município de Brumado”, salientou. Na manhã da próxima sexta-feira (16), agentes da SMTT promoverão a blitz educativa na região dos fundos da Cesta do Povo. “Os veículos serão adesivados com a logomarca da campanha para uso obrigatório de máscara em seu interior. Queremos criar mecanismos para impedir a transmissão do coronavírus dentro dos veículos”, completou.

Fonte: Achei Sudoeste

Pandemia continua em níveis críticos em abril, diz Fiocruz

Pandemia continua em níveis críticos em abril, diz Fiocruz

Os dados do Boletim Extraordinário do Observatório Covid-19 Fiocruz mostram que a pandemia deve permanecer em níveis preocupantes ao longo do mês de abril. Na Semana Epidemiológica 14 (4 a 10 de abril), a tendência de alta de transmissão da Covid-19 se manteve no país, com valores recordes no número de óbitos (uma média de 3.020 mortos por dia) e aumento de novos casos (cerca de 70.200 casos diários). A análise aponta também que a sobrecarga dos hospitais continuou em níveis críticos. A alta proporção de testes com resultados positivos revela que, durante esse período, o vírus permanece em circulação intensa em todo o país. Segundo os pesquisadores do Observatório, o quadro epidemiológico observado pode representar a desaceleração da pandemia, com a formação de um novo patamar, como o ocorrido em meados de 2020, porém com números muito mais elevados de casos graves e óbitos. 

Fonte: Agora Sudoeste

Rey de Domingão acredita que vistoria da PF irá expor fraude nas licitações de obras em Brumado

Rey de Domingão acredita que vistoria da PF irá expor fraude nas licitações de obras em Brumado

Na terça-feira (13), investigadores da Polícia Federal (PF) estiveram na cidade de Brumado vistoriando obras de reforma nas escolas públicas municipais (veja aqui). Recentemente, o vereador Reinaldo de Almeida Brito (DEM), o Rey de Domingão, denunciou ao Ministério Público Federal (MPF) que existe no município um grupo de empreiteiras, denominado G10, que é privilegiado nos processos licitatórios da prefeitura em detrimento das demais empresas. O parlamentar disse que acredita que a visita seja resultado das denúncias feitas por ele no órgão. “Na prefeitura acontecem várias licitações e, na verdade, uma empresa fica cobrindo a outra, e sempre ganham as mesmas empresas. Fizemos a denúncia e agora cabe à Polícia Federal investigar e vê as irregularidades que existem nas licitações que são feitas em Brumado”, destacou. Para o vereador, as denúncias foram muito bem fundamentadas e, a partir de agora, o prefeito terá de se explicar perante à Polícia Federal e ao Ministério Público. “Logo haverá um desfecho nessa apuração. Confio muito em Deus e na justiça. Tenho certeza que a justiça será feita”, defendeu.

Fonte: Achei Sudoeste

Vacinação de professores é aprovada e deve iniciar na próxima semana na Bahia

Vacinação de professores é aprovada e deve iniciar na próxima semana na Bahia

A Comissão Intergestores Bipartite (CIB) aprovou, em reunião nesta quarta-feira (14), o início da vacinação dos trabalhadores da educação com 55 anos ou mais. Ainda não há data certa para a imunização deste público, mas a perspectiva é de que a aplicação comece na próxima semana, a depender da quantidade de doses disponíveis da vacina nos municípios.

A CIB é um órgão composto pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesab) e secretários municipais de Saúde e define como será feita a aplicação da vacina contra Covid-19 no estado. A resolução sobre o início da imunização dos trabalhadores da educação foi publicada no Diário Oficial do Estado desta quinta (15).

O documento ainda diz que os municípios que finalizarem a etapa de 59 a 50 anos anos do grupo das forças de segurança e salvamento poderão avançar para a faixa dos 49 a 45 anos. A CIB também estabeleceu como se dará a vacinação para outros grupos prioritários, como pessoas entre 60 e 64 anos, quilombolas e pacientes com comorbidades. 

Fonte: Fato local